20/02/2009

Pequenos Gigantes IV - New Face Records





Olá! Obrigado pelo interesse, mas o FACTOR ZERO está em novo endereço: 

https://factorzeroblog.wordpress.com

Hi! Thanx for your interest, but we've changed our address. Please visit us at 


https://factorzeroblog.wordpress.com/




22 comentários:

  1. Anônimo2/22/2009

    Hey Strongos! Just read the story of New Face, I already knew most of it how everything went, but this was nice to read :) I`ve been visiting here many times...keep up the good work!!
    (By the way, did you already got the original copies of Factor Zero??)
    Cheers from: Risto Eronen, Finland

    ResponderExcluir
  2. Hi Risto, sorry, but I don't have the originals of FZ. But a friend of mine have it and told he will send for me (as we live in different towns). As soon as I get it, I'll post the PDFs here, ok?
    Thanx and so long...

    ResponderExcluir
  3. Muito bacana o post sobre New Face, Strongos... o selo foi referência pros caras da minha geração (final dos 80/começo dos 90) e lançou muitos álbuns fodas e com capas diferentes! meus preferidos são o Uskonto on Vaara do Rattus, o LP do Lobotomia e o 12"EP do Vorkriegsjugend...

    ResponderExcluir
  4. Wilbour2/26/2009

    Strongos, vulgo David, vou fazer um filme sobre vc ainda.
    A gente vai ficar rico vc vai ver.
    auahhauauhuha
    Dai a gente lança um blog pra distribuir "boa" musica gratuitamente, contando ainda belas histórias e vai se chamar Factor Zero

    ResponderExcluir
  5. George, fico feliz de saber que nosso trampo não foi totalmente em vão... Os discos que vc cita são dos melhores mesmo, todos clássicos.
    Wilbour, nem precisaria ficar rico, se fosse possível curtir tudo de novo já tava bão!
    Valeu os comentários pessoal e...
    Saudações anárquicas!

    ResponderExcluir
  6. Pierre2/27/2009

    Há tempos gostaria de saber mais sobre a New Face! Quando garoto (14, 15...) via o logo e ficava atento nos lançamentos. Muito obrigado por este texto, matou minha sede de conhecimento sobre o selo.
    Em tempo: ADORO a compi The Vikings are coming! Foi este e No Potential Threat do Riot Squad que mais admirei sonoramente da NF!!!!!!

    ResponderExcluir
  7. Procurava por informações da New Face e nunca achava. O texto vem em boa hora para tirar da obscuridade essa parte, não muito lembrada, do punk brasileiro: aqueles que ralavam para um disco ser lançado, na maioria das vezes sem muita expectativa de retorno financeiro. Talvez a New Face seja a maior dos pequenos gigantes aqui abordados, pois além de lidar com punk rock, coisa que geralmente não dá dinheiro, ainda estava imerso numa economia de Terceiro Mundo sempre fragilizada estruturalmente. Enfim, um lembrete mais do que merecido de uma parte da história, não só do punk rock nacional, mas da música independente no Brasil.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. muito bacana saber, e de maneira tão detalhada, a história de um selo tão importante.

    ResponderExcluir
  9. Valeu os comentários moçada! Sempre tive a sensação de que o trabalho que fizemos na New Face nunca foi reconhecido como deveria. Mas pelos comentários de vcs dá para perceber que isso acontece apenas em relação aos "historiadores" do punk...
    Claro que aqui é apenas um resumo do que realmente aconteceu nos cinco anos de funcionamento do selo e esta é a minha versão dos fatos (talvez se o Fábio contar, será diferente). Mas nada do que relatei é falso, garanto!
    Saudações anárquicas a todos!

    ResponderExcluir
  10. Cara, não sabia que conseguiria ouvir alguns desses clássicos novamente antes de morrer. Principalmente as coletaneas da Suécia, que cacei pacas. Valeu mesmo!!!

    ResponderExcluir
  11. Só agora li o texto. Isso merecia até ser citado no Botinada. Apesar de morarmos na longíqua belém do Pará, nós (eu e uma cambada de malucos que faziam parte do movimento punk local da época), acompanhamos esses lançamentos por tabela, afinal, compramos praticamente todos esses LP's pelos correios.

    Parabéns pelo pioneirismo, do zine e do selo e por nos trazer essa rica fonte de informação aos dias de hoje!!

    ResponderExcluir
  12. Valeu Jayme, já na época da New Face eu sentia uma enorme satisfação em mandar os discos a lugares distantes de São Paulo. Eu sabia que cada LP daqueles podia tornar-se a semente de uma nova história e disseminar um pouco mais esse tal de punk rock, que já incomodou bem mais...
    Saudações anárquicas a todos aí "de cima"

    ResponderExcluir
  13. Anônimo5/11/2010

    parabéns, pelo blog, muit ainformação pra que não é da " época" e quer s einterar de como er ao punk no primórdios no brasil..muito legal!

    ResponderExcluir
  14. MUITO BOA ESSA MATÉRIA DAS RARIDADES DE QUEM VIVEU ESSA ÉPOCA QUE ERA MUITO DIFICIL CORRER ATRAS DOS VINIS...SAUDADES! SÓ OS COROAS DO PUNKROCK QUE AINDA CONTINUAM OUVINDO UMAS BARULHEIRAS PRA SENTIR ESSA NOSTALGIA...ME FEZ VOLTAR AO TEMPO...SUBIA A SERRA PRA IR A GALERIA, CORRENDO OS RISCOS QUE LÁ HAVIA DAS TRETAS...MAS ENFIM PARABÉNS VELHINHO.

    PITUROCKCORE

    ResponderExcluir
  15. Anônimo8/13/2011

    valeu hein, eu comprei varios discos de vcs pelo correio, era demorado mas era o unico meio, comprei o grito suburbano, exploited, rattus, olho seco, algumas fitas raras que eu curti muito, a new face faz parte da minha vida, neste momento estou ouvindo english dogs, é du carai, vcs me proporcionaram muitos momentos felizes na minha vida, fiquei feliz em ler este blog valeu mesmo.

    antonio montoya (bauru-sp)

    ResponderExcluir
  16. Anônimo10/22/2011

    Conheci a New Face em 1988, eu tinha 14 anos. Morava em Florianópolis. Marcou minha vida aquele catálogo de venda pelo correio. Tenho vários LPs da New Face, e tenho as fitinhas Basf brancas, algumas dezenas delas ainda.
    Ainda posso lembrar a minha primeira encomenda.. foram 13 fitas. E poderia até citá-las de cabeça: eram 6 do Dead Kennedys, 3 do Stiff Little Fingers, 2 do Uk Subs, 1 Misfits e uma do Smiths pro meu irmão.
    Sempre com muita ansiedade eu esperava as encomendas chegarem.

    Eu tento encontrar até hoje na internet duas músicas do Pissed Boys que vinham no final da fita do misfits (evilive)chamadas Revolution Sold Out e uma outra que era uma sigla que não lembro. Só que ainda não encontrei. E a fitinha já não funciona mais.

    ResponderExcluir
  17. Anônimo10/22/2011

    esqueci, uma fita, uma que tinha Professionals de um lado e o resto era uma coletânea de bandas norte-americanas. Ali conheci Adolescents, Youth Brigade, Social Distortion, Battalion of Saints, 7 Seconds, Shattered Faith, Aggression, Joneses.
    Com a do Smiths eram 14 fitas.
    É provável que eu fosse a única pessoa a conhecer e ouvir Social Distortion em Florianópolis naquela época. E pensar que hoje é uma banda cult dos rockers em geral.

    ResponderExcluir
  18. Anônimo, será que os sons do Pissed Boys são esses? http://www.mediafire.com/?83nchhrqjocr947
    Baixa aí e me diz...

    ResponderExcluir
  19. Se não for, baixa essas músicas que acho que deve ter as que vc quer no meio...
    http://www.4shared.com/get/7VcEGjNs/PISSED_BOYS.html

    ResponderExcluir
  20. Anônimo10/25/2011

    Valeu pelos links do Pissed Boys! Baixei o primeiro, e tem uma das músicas, a melhor das duas que eu tava procurando. Ainda não baixei o outro link. Tá certo que o som da fitinha da New Face era melhor que a mp3, mas já dá pra matar a saudade.
    Falando nisso. Fear of War era uma banda que a New face lançou no brasil que fazia bastante sucesso entre eu e meus amigos que gostávamos de punk rock no final dos anos 80 e início dos 90. E é uma banda difícil de achar até no Soulseek, e as mp3 que achei são de qualidade bem ruim. Mas ainda tenho umas fitas em bom estado com Fear of War.
    Conheci o blog sem saber uns anos atrás, quando tava procurando 1No Alternative1 pra baixar. Eu estava procurando umas bandas californianas (que sempre achei as melhores, ou mais criativas)relativamente obscuras e o google me levou ao Factor Zero. Li o post sobre o No Alternative evidentemente, e li mais alguns que me fizeram conhecer bandas como Drones, que baixei e gostei (não lembro se o Controllers também baixei do blog na época - Controllers conheci de uma fita da New Face, mas na época, acho que em 1992, já não era New face, acho que era o Fabio que vendia as fitas).
    Nunca mais entrei no blog, não guardei o endereço e nem nome. Semana passada me deu na telha procurar algo sobre a New Face na internet) história dela e etc. E caí no Factor Zero novamente, e pra minha surpresa era um dos donos que fazia o blog onde encontrei o No Alternative anos antes! Ou seja, bem dizer até hoje ainda descubro punk rock de primeira através da New Face. :)
    E de adolescente que ouvia punk rock, hoje sou um "adulto" que ouve punk rock, influenciado nesses anos por Jello Biafra, Bakunin etc. e pelas lutas feitas pelos debaixo.

    saudações socialistas libertárias!

    ResponderExcluir
  21. Anônimo11/20/2011

    Agora que baixei o segundo link do Pissed Boys. Realmente as 3 músicas que haviam na referida fita estão ali: Willi, W.S.A.D.D. e Revolution Sold Out. As mp3 estão com qualidade boa. Fazia muito tempo que eu não ouvia essas músicas do Pissed Boys. Valeu!

    ResponderExcluir
  22. Fantástico! Compravamos os discos em Salvador (BA) e sequer imaginávamos o que vocês passaram. Obrigado!

    ResponderExcluir